Brasil

Notícias

A sangria desatada causada pelas sucessivas nomeações e contratações na PMC, continua acarretando um déficit de proporções assustadoras e preocupantes.

O texto publicado no Diário Oficial da União recua e veta porte de fuzis, carabinas ou espingardas para cidadãos comuns, como estava previsto.

A maioria das unidades que serão fechadas está em imóveis alugados e se localizam próximas de outras agências.

De acordo com Mandetta, o Ministério da Saúde traçou sua estratégia e identificou os estados com mais fragilidade para se fazer a campanha. O próprio Rio de Janeiro foi escolhido como local de lançamento da campanha.

O número de bolsas oferecidas em cada curso pelas instituições será informado nos termos de adesão.

O caso teria acontecido em Pernambuco e o vídeo viralizou nas redes sociais