Clinica Crescer
DENTISTA DO BRASIL

EM TEMPO DE AFLIÇÃO

Por Redação em 23/03/2020 às 16:23:06

Há alguns dias atrás, tudo normal, a vida seguia seu curso: O Sistema Capitalista comandando quase o mundo todo, os cheios de poder constituídos pelo Sistema, ditando as regras para os seus subordinados, os vários segmentos da sociedade com suas ideologias para viver, entre outras questões.

E no silêncio surge o inimigo invisível, covid-19 sorrateiramente, vai dominando e sujeitando a todos, o mundo sofre uma reviravolta provando que dinheiro não é tudo, poder não pode tudo, que existem limites, e um Poder Superior que está no controle de todas as coisas...

Então, veem-se pessoas buscando a Deus, lembrando que Ele existe. É meu povo, em outros tempos também foi assim. No tempo de Moisés, entre outros Patriarcas, para chamar o povo à salvação. Às vezes o Senhor chama a atenção do Seu povo para corrigir o que Lhe desagrada, o que está errado.

Sabemos que Jesus voltará, Ele prometeu e muitos sinais anunciarão a Sua volta. Em Mateus 24:6 diz: É necessário que tais coisas aconteçam, mas ainda não é o fim.

Lembrando o que diz a palavra de Deus em Daniel 12:10
Muitos serão colocados à prova, e assim serão, purificados e aperfeiçoados; no entanto, os malignos continuarão praticando impiedades. Nenhum dos ímpios dará ouvidos à estas palavras, tampouco buscarão entendimento; mas os sábios e prudentes sim, estes entenderão.

Estamos em quarentena que também é um tempo para reflexão, tempo para rever nossas ações, o tempo é oportuno.

Confiemos em Deus, Ele está cuidando de nós. E que não enfraqueçam nossas esperanças em meio ao caos, porque o Senhor tem o controle de todas as coisas em Suas mãos. Confiem e descansem.

Vejam esse poema escrito em.1839. e tão atual para o momento que vivemos.


A CURA

E as pessoas ficaram em casa.
E leram livros e ouviram música
E descansaram e fizeram exercícios
E fizeram arte e jogaram
E aprenderam novas maneiras de ser
E pararam
E ouviram mais fundo
Alguém meditou
Alguém rezava
Alguém dançava
Alguém conheceu a sua própria sombra
E as pessoas começaram a pensar de forma diferente.
E as pessoas curaram.

E na ausência de gente que vivia
De maneiras ignorantes
Perigosos, perigosos.
Sem sentido e sem coração,
Até a terra começou a curar
E quando o perigo acabou
E as pessoas se encontraram
Eles ficaram tristes pelos mortos.
E fizeram novas escolhas
E sonharam com novas visões
E criaram novas maneiras de viver
E curaram completamente a terra
Assim como eles estavam curados.

Kathleen O ' Meara

Carpe Diem

Fonte: Margarida Araujo

Una Extintores Cajazeiras-PB
DENTISTA DO BRASIL