Clinica Crescer

"Resultado do PIB nos dará melhor Natal dos últimos anos", avalia secretário do ME

Por Redação em 03/12/2019 às 10:54:17

Nos dados divulgados pelo IBGE na manhã desta terça-feira (3), o Produto Interno Bruto brasileiro apresentou alta de 1,2% no terceiro semestre de 2019, na comparação com o mesmo período do ano passado. Em relação ao semestre anterior o aumento foi de 0,6%.

O secretário de Política Econômica do Ministério da Economia, Adolfo Sachsida, avaliou os resultados em entrevista ao Jornal da Manhã. De acordo com ele, o PIB divulgado confirma que "o pior ficou pra trás".

"Nós tiramos o Governo da Economia e abrimos espaço para o setor privado. Essa estrategia vitoriosa veio para ficar. É crescimento econômico com responsabilidade fiscal", salienta o secretário.

"Como temos dito, desde setembro os dados estão constantemente favoráveis. Isso é resultado de um trabalho duro realizado nos oito primeiros meses do Governo, quando vários analistas pediram a diminuição de ajuste fiscal e Paulo Guedes, com apoio de Bolsonaro, se manteve firme. Esse crescimento nos permitiu ter a melhor Black Friday e vai nos permitir ter o melhor Natal dos últimos anos."

Segundo Sachsida, o PIB anual deve fechar em 1%. "O ano de 2019 foi de ajustes. Temos que parar com a ideia do crescimento "voo de galinha". O que nós fizemos foi um ajuste fiscal vigoroso e tomamos várias medidas de impacto nos âmbitos micro e macroeconômico. É por isso que demora para o PIB reagir."

Adolfo Sachsida reforça que a composição do PIB mudou – agora, ele é puxado pelo setor privado. "É o que o Guedes fala: o mix do crescimento mudou. Ano que vem teremos, de novo, um bom resultado e vamos recuperar o emprego também."

"A credibilidade do Governo deu um pulo, os índices aumentaram. O Governo mostrou que não vai voltar com as estratégias antigas que deu errado, que era ele próprio liderando o crescimento", finaliza o secretário.

 

Fonte: JP

Una Extintores Cajazeiras-PB
Cajazeiras Gesso

Comentários

Dentista do Brasil