Clinica Crescer

Bebê achado no lixo em Maceió recebe alta, mas aguarda decisão da Justiça para deixar hospital

Por Redação em 06/12/2019 às 18:38:35


Criança está na Maternidade Escola Santa Mônica desde o dia 4 de setembro. Bebê foi encontrado no lixo em Maceió, Alagoas

Divulgação/Ascom

O bebê encontrado em uma sacola dentro do lixo no bairro da Ponta Grossa, no dia 4 de setembro, recebeu alta médica nesta sexta-feira (6) da Maternidade Santa Mônica, em Maceió. Apesar de já ter sido liberado, ele vai permanecer no hospital aguardando que a Justiça decida para onde ele será encaminhado.

De acordo com a assessoria de imprensa da maternidade, depois de três meses internado na Unidade de Terapia Intensiva Neonatal (UTIN) e Unidade de Cuidado Intermediário Neonatal Convencional (UCINCo), o menino, que ganhou o nome de Davi, já consegue se alimentar sem o uso da sonda e pode deixar a unidade de saúde. Ele está pesando 3.410kg.

A assessoria comunicou que encaminhou o relatório do caso para a da 28ª Vara Cível da Capital - Infância e Juventude e aguarda a decisão judicial.

O Tribunal de Justiça de Alagoas (TJ-AL) informou ao G1, por meio da assessoria, que o caso está com a juiza Fátima Pirauá, mas que ela ainda não recebeu o relatório da maternidade. Ainda segundo o TJ, quando esse relatório chegar, a juíza vai analisar e decidir se o menino ficará com algum familiar ou se irá para um abrigo.

O bebê foi encontrado no lixo por um pescador. Três catadores levaram a criança para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do bairro do Trapiche. Lá ele recebeu os primeiros atendimentos e foi encaminhado horas depois para a Maternidade Santa Mônica, onde chegou pesando 1,150 kg, sendo considerado um prematuro extremo.

Doações

Após a informação sobre a alta médica, a equipe de profissionais da maternidade decidiu fazer uma campanha para arrecadar alimento e materiais para o bebê. Eles lançaram a campanha "Natal do Davi", para arrecadar suprimentos, roupas e material de higiene que vai precisar após deixar a unidade.

Podem ser doados leite Aptamil AR, fraldas de tamanhos M, G e XG, roupas para bebê com mais de 3,5 kg, produtos de higiene, pomada de assadura, além de bebê conforto e carrinho.

As pessoas que desejarem contribuir com a campanha podem deixar as doações no Serviço Social da Maternidade, que fica na Avenida Comendador Leão, no bairro do Poço.

Veja mais notícias da região no G1 Alagoas

Fonte: G1

Una Extintores Cajazeiras-PB
Cajazeiras Gesso

Comentários

Serrararia Padre Cicero