Clinica Crescer

Médicos são presos suspeitos de reaproveitar materiais descartáveis em até 15 cirurgias

Por Redação em 11/12/2019 às 08:23:26

Mandados est√£o sendo cumpridos no Interior do Paran√°, nas cidades de Campo Mour√£o, Ivaipor√£ e Francisco Beltr√£o. No estado de Goi√°s, as buscas ocorrem em Goi√Ęnia e Rio Verde.

A a√ß√£o é um desdobramento da Opera√ß√£o "Autoclave", deflagrada no mês de setembro deste ano, no Interior do Paran√°. Na ocasi√£o, a PCPR desmantelou um grupo criminoso envolvido com a adultera√ß√£o, através de esteriliza√ß√£o ilícita, de materiais descart√°veis j√° utilizados por médicos em cirurgias urológicas. A opera√ß√£o resultou na apreens√£o de um vasto material reprocessado.

Nas investiga√ß√Ķes, a PCPR constatou que esses equipamentos cirúrgicos eram vendidos a médicos urologistas do Paran√° e Goi√°s, com claro conhecimento de sua procedência irregular. Os materiais reaproveitados eram utilizados em cirurgias de pacientes particulares, resultando num lucro muito maior aos cirurgi√Ķes.

Conforme apurado, materiais que possuem um custo de R$ 1,2 mil eram adquiridos pelos profissionais da saúde por R$ 250 a R$ 300 e reutilizados muitas vezes. Ressalta-se que todos os equipamentos eram completamente descart√°veis e nenhum órg√£o respons√°vel pela √°rea autoriza esteriliza√ß√£o e reuso dos mesmos.

Os alvos da a√ß√£o devem ser indiciados por associa√ß√£o criminosa, falsidade ideológica de documento particular e adultera√ß√£o de produto destinado a fins terapêuticos ou medicinais.

Mais detalhes ser√£o repassados nesta quarta-feira em entrevista coletiva.

 

Fonte: Banda B

Una Extintores Cajazeiras-PB
Cajazeiras Gesso

Coment√°rios

Serrararia Padre Cicero